José de Souza Lima Filho

Quem andar pelas ruas de Contagem e indagar por este nome dificilmente encontrará alguém que o reconheça. Mas vá perguntar por Zé de Souza. O resultado será exatamente o oposto! Poucos não saberão dizer que se trata de um dos políticos mais queridos da cidade, respeitado por aliados e adversários, sempre ligado às causas sociais e ações que, de alguma maneira, resultassem na melhoria da qualidade de vida da população.

Presidente do PT, ex-secretário municipal e vereador, Zé de Souza completa, agora no dia 17 de dezembro, exatos 50 anos. Meio século de uma vida marcada por muita luta, muito trabalho e extrema dedicação à família. O espírito de liderança veio ainda muito jovem, no Córrego da Boa Sorte, pequeno povoado da cidade de Inhapim, no Vale do Rio Doce. Do vilarejo em que nasceu, Zé de Souza – ou “Zé Amelim”, nome pelo qual até hoje é conhecido por lá – mantém a fala mansa, o olhar atento e o cuidado constante com os próximos, principalmente os mais humildes.

Metade da vida de Zé de Souza foi vivida em Contagem. Antes de chegar na cidade, passou alguns anos em Mutum, encravada na Zona da Mata mineira. Foi ali que Zé deu seus primeiros passos na política. Guiado pelo hoje deputado estadual Durval Ângelo, Zé se filiou ao PT, estreitou seus laços com as Pastorais Católicas e conheceu a luta sindical, especificamente no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Mutum, até então dominado por pelegos.

A mudança para Contagem se deu na ânsia de melhores condições de vida para sua família. Aqui, Zé fez “de tudo um pouco”, como se costuma dizer. O começo, como não poderia deixar de ser, foi duro, juntando esterco de boi para vender. Foi cobrador de ônibus, montou um sacolão, foi perueiro no Ceasa. Viu os filhos crescerem e, aos poucos, aumentou sua participação na política e no PT local.

Depois de uma candidatura a vereador malsucedida no final da década passada, em 2012 Zé de Souza se lançou novamente à prova. Desta vez, com retumbante sucesso. Foram mais de quatro mil votos, um recorde para a esquerda em Contagem, corroborando o carinho, confiança e admiração nutridos pela população. Que, nesses quase três anos de mandato, Zé retribuiu com muito trabalho, empenho e dedicação.

As páginas a seguir contam um pouco da vida de Zé de Souza. E homenageiam este grande homem público que serve a política, não o contrário. Que faz da política um meio de ajudar aqueles que precisam, aqueles que não têm voz. Um “homem de Boa Sorte”, sim. Mas sorte maior teve o povo de Contagem, que conta com Zé de Souza para falar por ele, para defendê-lo com o mesmo calor que ele dedica à sua gente trabalhadora.

Parabéns, Zé! E muito obrigado!